Porque é que tens de esperar pelo teu Tempo? - Kris Vallotton

Fevereiro 17, 2016

Trabalhadores Entusiastas

Um desafio que eu tenho visto na igreja é o que eu chamo de “Trabalhadores Entusiastas.” É a pressão que muitos líderes sentem para serem “populares” com os que lhes rodeiam. Deixa-me explicar: a consciência de que os apóstolos e profetas são uma parte importantíssima no governo da igreja tem causado muitos líderes espirituais promover pessoas imprudentemente e prematuramente.

Por exemplo, eu tenho visto líderes escolher a pessoa mais profética ao seu redor e comissionar-lhe como o “profeta da casa.” Isto é um erro em vários níveis. Primeiro, o dom de profetizar e o chamado de profeta são duas coisas completamente diferentes. Lá porque alguém tem profecias muito precisas, de maneira nenhuma significa que eles são chamados para o cargo de profeta.

Segundo, colocar alguém no cargo de profeta ou profetisa prematuramente não só é pouco saudável para pessoa que está a ser promovida como também pode ser uma experiência devastante para a congregação. Entre a promessa e o palácio deve haver sempre um processo que é natural e necessário. É este processo que nos prepara e desenvolve para que o carácter necessário e as qualificações são necessárias para ser bem sucedido no palácio, por assim dizer.

Preparação para o fracasso

Quando nós, como líderes, cedemos à pressão de sermos espiritualmente actuais e promovemos pessoas de forma imprudente, estamos a nos preparar para fracassar. A pressão espiritual de um cargo governamental no Corpo de Cristo não pode ser subestimada. Apesar do peso dos cinco tipos de ministérios (apóstolos, profetas, evangelistas, pastores e professores) ser invisível, não é inatingível. Eu tenho visto muita gente que é inexperiente, que não está preparada, é genuinamente chamada para um cargo dos cinco tipos de ministérios, mas como é comissionada prematuramente, é literalmente destruída pela mesma coisa que é destinada a tornar-se. Muitos deles ficam desiludidos e deixam o ministério para sempre, simplesmente porque, os líderes não tiveram sabedoria em preparar estas preciosas pessoas para o seu propósito.

Na sua carta ao Timóteo, o apóstolo Paulo enfatizou este princípio com referência à liderança, quando disse, “estes devem ser provados, e depois sirvam…,” e mais tarde, ele escreveu, “a ninguém ponhas precipitadamente as mãos, nem participes dos pecados alheios…,” (vejam 1 Timóteo 3:10 and 1 Timóteo 5:22). Apesar de, o tema que Paulo está a falar nesta passagem não ser o comissionar de profetas, os princípios podem ser aplicados na mesma, (na verdade, eu gostaria de propor que estes princípios são ainda mais importantes na aplicação dos cinco tipos de ministérios).

O Processo de preparação

Para que, o cargo de profeta e profetisa seja completamente restaurado na sociedade e na igreja, nós precisaremos de líderes sábios que saibam desenvolver o processo que lhes prepara para os desafios que eles vão enfrentar no futuro. O meu livro School of the Prophets cobre muitos temas que são necessários serem dominados para que os profetas e profetisas possam vestir o manto e completar a sua missão divina, com sucesso.

Para mais informação sobre este tema, lê o meu livro School of the Prophets.

Se gostarias de subscrever à minha newsletter, inscreve-te aqui: https://krisvallotton.com/

Estás num processo de preparação? Conta-te sobre isso, nos comentários abaixo.

Topics: ProféticoSem categoria


¡

comments