As Câmaras de Gás dos Nazis são as Clínicas de Aborto de Hoje - Kris Vallotton

Janeiro 28, 2017

O Planeamento Familiar é na América aquilo que as câmaras de gás dos Nazis eram para o Hitler na Alemanha. (Não são mulheres a serem forçadas para as câmaras da morte, são bebés.) O Hitler desumanizava os Judeus e convenceu os Alemães a exterminá-los como ratos.

Nós, Americanos, deveríamos ter percebido a nossa tendência de fazer a mesma coisa, mas infelizmente a história repete-se! Pensa nisto: nós desumanizámos os Nativos Americanos ao convencer os nossos cidadãos que eles eram selvagens. Depois assassinámo-los como se fossem animais. Podes achar que nós aprenderíamos com os nossos erros mas nada está mais longe da verdade!

50 anos depois, fizemos a mesma coisa outra vez…desumanizámos outra raça. Desta vez, foram os Afro-Americanos. Escravizámos, chacoteámos, batemos e pendurámo-los em árvores. 620,000 pessoas morreram na Guerra Civil tentando corrigir este erro. E, apesar da guerra ter acabado em 1865, só cerca de 100 anos depois, o Martin Luther King Jr. começou a ajudar os Afro-Americanos a ganharem de volta a sua liberdade.

Mas em 1973 o caso Roe vs. Wade chegou e nós voltámos a fazer o mesmo. Desta vez, nós desumanizámos crianças. Antes, perguntávamos às grávidas se iam ter menino ou menina. Agora, temos que perguntar se é um humano ou apenas um feto.

“Porquê,” tu perguntas, “continuamos a repetir a história?” Boa pergunta. A resposta é, Ganância!

Nós matámos os Nativos Americanos para que pudéssemos roubar as suas terras. Nós escravizámos os Africanos para que eles trabalhassem nos nossos campos. Fazendeiros e agricultores ricos fizeram milhões de dólares à custa do sangue que os escravos deitavam das costas quando eram chicoteados para trabalhar.

O aborto é um negócio de biliões de dólares cujo o principal beneficiário é o Planeamento Parental! Consegues perceber isto? Um negócio disfarçado de planeamento de família, uma organização solidária que está a liderar o genocídio americano de bebés. Mas espera, há mais…Eles não só tiram a vida aos fetos como também recolhem os órgãos e vendem-nos como partes humanas!!! Estás confuso não estás? E deverias estar!

Oh e já agora, tudo isto está a acontecer sob a bandeira dos direitos da mulheres! No entanto, metade dos fetos são miúdas que tornam-se mulheres.

Desde quando é que tirar a vida a um bebé é um direito de alguém?

Agora, se um condutor alcoolizado causa um acidente que resulta num aborto espontâneo, esse condutor é considerado um homicida. É verdade! Há mais alguma coisa no mundo que se defina pela sua terminação em vez da sua concepção? Estás confuso? Deverias estar!

Daqui a 50 anos, o mundo vai olhar para trás e ver este genocídio humano da mesma forma como nós olhamos para os Nazis, para a escravidão, para o assassinato dos Nativos Americanos; com desprezo, vergonha e profundo remorso. Os nossos netos vão-nos perguntar, “Avó, avô, como é que ninguém parou estas pessoas de matar bebés?”

E nós vamos responder, “Bem, nós não achávamos que eles eram humanos!” Confuso agora? Deverias estar!

Para todas as mulheres que já fizeram abortos; Jesus perdoa-te! Tu precisas de perdoar a ti mesma. O remorso não vai tornar o mal em bem, mas tu podes ajudar outras mulheres a não serem enganadas e prevenir que façam o mesmo erro.

Por último, deixa-me realçar-te que não há bebés não desejados na América. Há mais famílias lindas tentando adotar do que há bebés, portanto, adoção é uma ótima solução.

É tempo de dar voz ao gemido silencioso. Daqui a 50 anos, aqueles que são chamados fanáticos serão considerados heróis. Simplesmente pergunta,  Abe Lincoln, Rosa Parks e Martin Luther King! Por vezes, tens de sair da multidão e seres politicamente incorreto para fazeres história.

Se nós implantássemos uma lei na América em que as mulheres teriam de ser totalmente informadas através da visualização de um sonograma do seu feto antes de tomarem a decisão de acabar com a gravidez, nós definitivamente acabaríamos com o aborto na nossa nação. Tu nem podes comprar um carro sem ter toda a informação.

Adivinha quem é a maior resistência quando falamos sobre dar toda a informação às mulheres? Adivinhaste, Planeamento Parental! Surpreende-te que eles sejam o grupo de pressão principal que mantém o congresso de implantar leis para que as mulheres sejam completamente informadas antes de tomarem a decisão mais importante da vida delas? Eu me pergunto porquê? Já estás confuso? Deverias de estar!

Nomeia uma boa razão pela qual a mulher não deve ser obrigada a ver o sonograma do seu feto antes de acabar com a gravidez? Eu posso te dar 58,586,256 milhões de razões pelas quais elas devem; esse é o número de crianças abortadas desde o caso Roe vs. Wade. Haverá mais de centenas de razões até ao momento em que veres esta publicação!

Deixa-me acabar com um pouco de história. A maior parte dos Americanos não sabem que a McCorvey, que era “pró-escolha” “Roe” no caso infame de aborto em 1973, é agora uma defensora pró-vida. Ela tem dedicado toda a sua vida tentado revogar o caso da Corte Suprema que tem o seu nome fictício, Jane Roe.

Ainda confuso? A McCorvey “Roe” já não está!

Alguns dizem, “Kris, és insensível e estás a magoar os sentimentos das pessoas!” Ás vezes, a verdade dói. Se salva a vida de um bebé, vai valer a pena toda a dor que eu causei nas pessoas hoje.

Topics: Eventos ActuaisInspiraçãoLiberdadeMoralidadeSem categoria


¡

comments