8 Passos Para Acabar Com Uma Mentalidade De Pobreza - Kris Vallotton

Junho 29, 2018

Jesus disse: “Ama o teu próximo como a ti mesmo” (Mateus 19:19). É incrível como quatro letras podem influenciar a vida de uma pessoa, “COMO”. Os teus vizinhos, colegas de trabalho, membros da família e amigos são todos tremendamente afetados por esta palavra de quatro letras! Na verdade, eu quero sugerir que esta pequena palavra também está encarregue das tuas finanças, regula o teu estado emocional e dita como tu te relacionas com Deus. “O QUÊ,” protestas tu! Okay, deixa-me explicar. A palavra “como” significa “da mesma forma,” por outras palavras, ama o teu próximo da mesma forma, (ou com o mesmo nível), que te amas a ti mesmo. Já que o amor se parece sempre a alguma coisa, o teu comportamento para com o teu próximo, as tuas finanças e até mesmo Deus é uma reflexão de como tu te sentes sobre ti mesmo.

Amares-te É A Chave Para Uma Vida Próspera

Amares-te é a chave para uma alma próspera, que, por sua vez, é a base para te tornares rico e saudável em todas as áreas da tua vida. Então, como é que nós aprendemos a amarmo-nos?

Aqui estão 8 simples, mas profundos passos que te vão ajudar a sair da pobreza e começar a ter uma alma próspera:

1) Descobre quem Deus diz que tu és. Há centenas de escrituras que revelam a nossa maravilhosa identidade em Jesus. O apóstolo Paulo disse, “…quando ainda éramos pecadores, Cristo morreu por nós.” (Vê Romanos 5:8) A conotação é que tu costumavas ser um “pecador,” alguém cuja natureza era pecar e fazer o mal. Mas quando recebeste Jesus na tua vida, tornaste-te um santo! Já não faz parte da tua natureza pecar, porque tu és uma pessoa santa e um cidadão de uma nação santa. (vê 1 Pedro 2:9) Tu também és um filho e filha de Deus e, uma criação nova Nele!

2) Vê-te tal como Deus te vê. Eu descobri um princípio simples do Reino que diz: “Se eu posso imaginar, eu posso ter.” O rei mais sábio do mundo disse assim: “Porque como imaginou na sua alma, assim é.”(Provérbios 23:7) Há algo muito poderoso em relação à nossa imaginação. O que tu imaginas tem um impacto enorme naquilo em quem te estás a transformar. Tu estás a formar o mundo à tua volta de acordo com os teus pensamentos interiores, por isso, no que é que tens escolhido meditar? Imagina, pensa, visualiza, fala contigo mesmo e até, canta a verdadeira verdade sobre ti!

3) Revê os teus pecados anteriores e fracassos que ainda te atormentam e pede a Jesus que te perdoe. Deixa-me ser claro, eu não estou a dizer para passar dias em remorsos e arrependimentos; eu estou simplesmente a dizer que se tu ainda te sentes assombrado por erros passados então encara isso de frente. Tu não consegues conquistar aquilo que te recusas a confrontar e a vergonha enterrada é mais dominante do que a redenção que ainda está por ser aplicada. Resolver questões e problemas é tão fácil com Jesus que é quase embaraçoso! O apóstolo João disse isto da melhor maneira. “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça.” (Vê 1 João 1:9) Aqui está; conciso e doce; confessa os teus pecados e Ele faz o resto.

4) Pede a Jesus para te mostrar os teus pecados e erros com a Sua perspetiva. É muito importante, especialmente quando falhas, que te vejas do ponto de vista misericordioso de Deus. Visualizar o teu erro com os olhos de Jesus é essencial para entender e entregar os papéis certos às personagens certas na tua vida. Aquela voz bem alta gritando “CULPADO! PONHAM-NOS NA FORCA! TIREM-LHES AS CABEÇAS! não é o Senhor a chamar-te à atenção; é satanás a tentar trazer confusão à tua cabeça. O seu objetivo é que tu tires os olhos da redenção do Senhor e que ponhas os teus olhos nos teus erros. Mas no meio de toda a gritaria, há sempre uma voz que te assegura, a voz do teu Pastor. Continua no lugar secreto até que possas ver os teus fracassos sendo transformados pelo Seu futuro fantástico!

5) Pergunta a Jesus se tens de fazer alguma coisa para emendares o que fizeste ou encerrares tudo de uma vez. A Bíblia diz que nós precisamos de “Produzi pois, frutos dignos de arrependimento.” (Vê Mateus 3:8, Atos 26:20) Na maioria dos casos, simplesmente significa perguntar às pessoas que ofendemos para nos perdoarem e fazer o nosso melhor para corrigir os nossos erros. É importante anotar aqui que tu és responsável pela tua parte, mas não podes obrigar alguém a te perdoar. Deixa o Espírito Santo fazer a Sua parte em convencer as outras pessoas envolvidas a retribuir a sua resposta.

6) Desenvolve um sistema de verificação que te permita ouvir a ti mesmo e pensar sobre as coisas. Jesus ensinou-nos algo profundo sobre como o nosso processo de verificação afeta as nossas vidas quando Ele disse: “E disse-lhes: Atendei ao que ides ouvir. Com a medida com que medirdes, vos medirão a vós, e ser-vos-á ainda acrescentada.” (Marcos 4:24) Quando tu escolhes entreter um determinado tipo de pensamentos; talvez preocupação ou medo, tu estás a convidar outras preocupações e pessoas medrosas para o teu mundo. É verdade quando se diz, “Pássaros com as mesmas penas tendem a ficar juntos.” Por outro lado, se tu “Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração (mente),” (Vê Provérbios 4:23), e filtrares os teus pensamentos com o filtro divino de Deus, então vais atrair pessoas com a mesma mentalidade que tu.

7) Faz uma lista das 5 coisas mais profundas que Deus diz sobre ti e memoriza-as. O objetivo deste exercício é ajudar-te a desenvolver novas maneiras de pensar e positivas. Quando tu passas tempo, de forma ativa, a pensar sobre as coisas que Jesus diz sobre ti, tu crias novos caminhos neurológicos no teu cérebro. Estes caminhos tornam-se mentalidades e tendem a ditar a forma como tu pensas e o que tu imaginas, mais facilmente. O apóstolo Paulo deu-nos uma grande revelação quando disse, “E não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação do vosso entendimento…” (Vê Romanos 12:2) A verdade é que tu nem sempre podes mudar a tua vida, mas se tu mudares os teus pensamentos, Ele transformará a tua vida!

8) Pergunta-te como é que alguém que tem 5 dos atributos que Jesus disse que tu tens, deve pensar, falar, agir e sonhar. Depois, age em conformidade. Nada te afirma mais e constrói do que agir de acordo com os pensamentos de Deus, ao invés dos teus sentimentos. Os teus sentimentos, apesar de serem importantes, são grandes servos, mas terríveis mestres! Eu estou a lembrar-me do conselho que Deus deu a Caim quando o ciúme o atormentava. “E o Senhor disse a Caím: Por que te iraste? E por que descaiu o teu semblante? Se bem fizeres, não haverá aceitação para ti? E, se não fizeres bem, o pecado jaz à porta, e para ti será o seu desejo, e sobre ele dominarás.” (Vê Génesis 4:5-7) Notaste como “ficar bem” (ou não ficar bem), estava diretamente relacionado com a atitude de Caim? Quando tu ages de acordo com o que Jesus diz sobre ti, tu crias a verdade no teu coração e aceleras o processo de transformação da tua mente.

Entrega-te Ao Processo

Se tens passado a tua vida com uma mentalidade de pobreza; então pensar e agir de forma diferente pode não sentir real ou autêntico ao início, mas continua, porque daqui a 40 dias será o teu novo eu! Eu quero te relembrar que tu nasceste para ganhar e Jesus está ao teu lado. Portanto, se Deus é por ti, quem poderá ser contra ti? Eu quero te encorajar a caminhar pelas escrituras e descobrir a revelação completa do mistério da tua identidade em Deus e, depois, seguir estes passos. Ele está ansioso para que tu encontres o Seu amor indescritível e escandaloso por ti, para que Ele possa despertar o teu novo “eu” para o teu futuro fantástico! Como é que lidas com uma mentalidade de pobreza? Gostaria de ouvir sobre ti nos comentários!

Topics: IdentidadeLiberdaderiquezaSem categoria


¡

comments