4 Coisas A Valorizar Se Queres Ter Um Casamento Saudável - Kris Vallotton

Maio 23, 2018

O facto de as pessoas não saberem como fazer família da forma correta é uma das maiores causas de disfunção na sociedade hoje em dia. Eu acredito que a restauração de famílias e casamentos podem verdadeiramente mudar o mundo. A fundação de uma família saudável é construída na cultura e conexão de uma mãe e um pai; o casamento.

Eu tenho estado casado com a mulher dos meus sonhos por 42 anos, e nós temos estado juntos à 47 anos no total. Por isso, hoje eu quero compartilhar alguns dos nossos valores para um casamento saudável. Eu oro para que isto possa fortalecer a tua família e te ajudar a passar pelas dificuldades se estiveres a passar por um tempo difícil no teu casamento.

Aqui estão 4 valores fundamentais para a fundação de um casamento:

1) Sê humilde e coloca a tua esposa/o em primeiro lugar. Isto talvez nem precise ser abordado, mas eu acho que é importante dizer. O casamento significa que tu entraste num relacionamento para dar a tua vida por outra pessoa. Na verdade, o casamento é uma marcha da morte para uma vida de campo! É escolher morrer para ti mesmo todos os dias por amor ao outro. Filipenses 2: 3-4 diz muito bem: “Nada façais por contenda ou por vanglória, mas por humildade; cada um considere os outros superiores a si mesmo. Não atente cada um para o que é propriamente seu, mas cada qual, também, para o que é dos outros.” Nós atendemos às necessidades um do outro.

2) Independentemente dos problemas, o teu esposo/a deve ser o teu amigo mais chegado, o teu maior aliado, o companheiro com quem tu tens mais ligação e o teu companheiro de aliança para a vida. Eu acho que uma coisa que entra no caminho deste tipo de ligação é o facto de muitas pessoas casarem-se, mas nunca se tornarem um. A verdade é que desde o início da criação, Deus quis que o casamento fosse duas pessoas tornarem-se uma. Na verdade, uma pessoa (Adão) tornou-se duas pessoas no jardim (Adão e Eva), para que duas pessoas se pudessem tornar um no casamento. Génesis 2:24 diz, “Portanto, deixará o varão o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne.” Quando problemas vêm, é importante continuarmos conectados, como um. Tempos difíceis podem tornar-vos mais próximos ou quebrar-vos, dependendo se vocês se afastam ou se deixa um ao outro. Aproveitem a oportunidade para se aproximarem um do outro. Em vez de se desligarem no meio da estação difícil, certifiquem-se de que estão a comunicar “Eu estou contigo” um ao outro.

3) Divertimento e felicidade são o fruto de boas escolhas e não o objetivo da vida. E, por isso, não podemos depender no divertimento ou na felicidade para produzir amor nos nossos casamentos. Isto pode não ser fácil de ouvir, mas um bom casamento requer trabalho árduo. Casamentos bem sucedidos não apenas “acontecem.” Porém, são um resultado de escolhas diárias de amar um ao outro. Algo que eu considero como fundação de um grande casamento é esta prática: faz o que tu fazes “quando te apetece fazer” e quando não te apetece fazer. Então, o quer que seja que tu faças para o teu esposo/a quando te sentes “amorzinho, pombinha” faze-o quando não estás com cabeça para o fazer. Isto é o que é ter carácter e escolher alguém todos os dias, em vez de, basear o nosso compromisso e aliança de acordo com os nossos sentimentos. Eu já disse isto antes e vou voltar a dizer: sentimentos são bons servos mas terríveis mestres. Se relegarmos o nosso amor por uma esposa aos nossos sentimentos, então relegamos os nossos casamentos para serem jogados pelos ventos da vida. O amor não é um sentimento. Pode conectar e inspirar sentimentos, mas em si mesmo não é um. O amor é uma aliança.

4) Não é a responsabilidade do teu cônjuge te fazer feliz, porque a felicidade é um trabalho interno. A palavra “feliz” é usada cerca de 80 vezes no Novo Testamento e nem uma vez está relacionada com o casamento. Com tudo isto dito, umas das maiores alegrias da minha vida foram encontradas no meu casamento e na minha família! Mas alegria e felicidade não são a mesma coisa. Jesus nos prometeu alegria, que é baseada Nele e no saber daquilo que está do outro lado dos problemas. Eu também quero dizer que uma das minhas maiores alegrias no casamento não são as formas como a Kathy me tem dado (e confia em mim, ela é a mulher mais generosa que eu conheço), mas sim, a forma como eu tive a oportunidade de a amar. Eu me sento várias vezes no terraço e vejo ela a montar os seus cavalos (que eu lhe comprei há uns anos atrás) e eu apenas choro. Ela corre e ri-se com os cavalos e, quando ela volta para casa, ela mal pode esperar para me contar tudo sobre eles. Eu adoro pensar que eu pude fazer algo por ela que a faz sentir viva. Há algo poderoso quando nos conectamos e amamos as pessoas nas suas paixões e não nas nossas; É realmente lindo poder amar assim. O que eu me arrependo é não ter feito isto no início do casamento.

Amar Melhor Do Que Amaste Antes

Hoje eu oro por uma revelação de chaves para ter um casamento incrível seja depositada no teu espírito e eu liberto graça sobre ti para que possas amar melhor do que alguma vez a,aste antes. Eu te encorajo a dar uma olhada no teu coração e pedir a Deus para te ajudar a revelar formas em que tu podes dar a tua vida pela tua esposa/o. Pode não ser fácil, mas eu prometo que vale a pena. Tens mais alguns valores fundamentais para o teu casamento? Eu gostaria de ouvir sobre eles nos comentários!

Topics: CasamentoSem categoria


¡

comments