Tomar Conta de Ti - Kris Vallotton

September 28, 2016

Guest Post, pelo Danny Silk.

A TUA VIDA É UM PRESENTE DE DEUS PARA TI. TEM VALOR INFINITO PARA ELE E QUE ELE TE COMUNICA EM TODAS AS MUITAS FORMAS QUE ELE TE AMA.

O sentido de incapacidade, irresponsabilidade e a falta de limites nos relacionamentos têm origem no não conseguir valorizar a tua vida como Ele valoriza. Por outro lado, ao honrar o valor de Deus pela tua vida vai-te levar a ser responsável pela sua protecção e manutenção.

RELACIONAMENTOS SAUDÁVEIS CRESCEM ENTRE PESSOAS QUE ACEITARAM A SUA RESPONSABILIDADE INDIVIDUAL DE CUIDAR DOS SEUS PRÓPRIOS JARDINS.

Sim, ambos entram no relacionamento com necessidades e participam em concretizar as necessidades um do outro. Mas é um simples princípio económico em que cada um deles tem que estar saudável e a produzir fruto para que possam continuar a oferecer recursos um ao outro para satisfazer as necessidades de cada um.

Por outras palavras, tu tens que cuidar de ti próprio antes de tu cuidares de outra pessoa.

Se já estiveste alguma vez num avião, já foste submetido à lengalenga dos comissários de bordo sobre o que fazer quando a cabine perde pressão. Eles explicam que as máscaras de oxigénio caem do tecto e mostraram-te como as colocar. Eles relembram-te sempre que, se tu estás a viajar com uma criança ou uma pessoa que necessita de assistência, tu deves de colocar a máscara antes de ajudares a outra pessoa. A conclusão é clara. Se tu não cuidares de ti mesmo, tu não vais conseguir tomar conta de outra pessoa. Tu vais acabar estendido inconsciente no corredor.

A lição da máscara de oxigénio expõe as falhas de pensamento que muitas pessoas têm sobre o que é servir e amar os outros. Por alguma razão, as pessoas pensam que tomar conta de si próprias é ser egoísta.

SIM, É VERDADE QUE TU PODES CULTIVAR O TEU JARDIM E DEPOIS ESCOLHER FICAR COM O TEU FRUTO SÓ PARA TI.

Eu conheço pessoas que usam limites de forma errada para serem independentes e retém as suas vidas dos outros, em vez de usá-los para proteger a sua capacidade de manter produtividade, generosidade e a troca de vida em relacionamentos de aliança. Auto-protecção não é uma boa motivação para tomares conta de ti e, cria problemas nos teus relacionamentos.

Mas tu vais criar tantos ou mais problemas se não cuidares do teu jardim. Tu vais ter que ir buscar comida num outro lugar e essa será a comida de outra pessoa.

O facto de não tomares conta de ti mesmo coloca-te uma posição de impotência onde tu tentas que outras pessoas satisfaçam as tuas necessidades, sem ter a possibilidade de dar algo em troca. Isto é a começo de uma relação egoísta e que não é saudável.

SE TU QUERES MESMO SER AMOROSO E ALTRUÍSTA, TU TOMARÁS O TEMPO NECESSÁRIO PARA QUE O TEU JARDIM PRODUZA O MELHOR FRUTO POSSÍVEL PARA DEPOIS OFERECER ALGO DE VALOR AOS OUTROS.

Tu irás investir em aprender tudo o que é preciso saber sobre o jardim que Deus te deu—desde o teu físico, emocional, mental, e saúde espiritual até à tua educação, talentos, dons, chamados, finanças, relacionamentos, e outros—e como fazer isso florescer.

E ao partilhares a tua vida com os outros, tu irás fazer o que tens de fazer para proteger e sustentar a produtividade do teu jardim, para que a tua saúde e a saúde dos teus relacionamentos não sejam afectadas.

O meu amigo Danny Silk e a sua equipa no Loving on Purpose publicaram a Academia de Vida, Amar com um Propósito online e, é uma ferramenta óptima para os pais, relacionamentos e capacidades de liderança. Clica aqui para ver.

Topics: InspiraçãoSem categoria


¡

comments