Onde Estava Deus no Tiroteio de Las Vegas - Kris Vallotton

Outubro 18, 2017

Onde Estava Deus No Tiroteio de Las Vegas?

Eu estava horrorizado com todos os recentes tiroteios em Las Vegas. Em face a todas as tragédias, as questões rebentam como ondas do mar. O que é que poderia possuir um homem para matar pessoas que ele nem conhecia? Porque é que ele escolheu Las Vegas? Como é que ele chegou a este ponto e nunca procurou ajuda?

Claro que há sempre o factor Deus quando tragédias acontecem; onde é que Ele estava no meio desta situação e porque é que Ele ajudou? (Curiosamente, em desastres, os motivos de Deus são muitas vezes questionados pelas pessoas…muitas destas nem O servem e algumas nem acreditam Nele.) Estas questões pesam nas nossas almas e imploram por respostas. No dia do tiroteio eu apanhei-me a ver televisão várias vezes ao dia tentando ver se descobria o motivo do assassino. A minha maior pergunta e diálogo interno foi, “Mas o que é que estavas a pensar?”

Porque É Que Deus Não Parou o Atirador?

Então, porque é que as pessoas fazem coisas más e porque é que Deus não as pára? A resposta começa com amor! Vês, amor por si próprio requer vontade própria. Não é um sentimento, é uma escolha. Vamos colocar isto um pouco mais simples. Deus podia ter-nos programado para fazer somente o bem. Contudo, se nós fossemos programados para fazer somente o bem, ter esse tipo de comportamento não seria bem uma escolha nossa. Nós seríamos robôs sem escolha e, por isso, nem teríamos o motivo de fazer o bem sobre o mal. Se a bondade fosse programada dentro de nós e não fosse uma escolha de comportamento, não seria (na verdade, nem poderia) ser enraizada no amor.

Então o risco que corremos com o amor é o livre arbítrio; nós podemos escolher o amor, mas somente com o risco de termos a opção de escolher o ódio, violação, violência e, até mesmo, assassinato. Deus poderia acabar com o mal num momento, simplesmente fazendo com que a bondade fosse um instinto em nós, tal como os animais vivem instintivamente. Mas a natureza do amor é que não pode ser instintivo, deve ser uma escolha de vontade. É por isso que o amor não segue sentimentos, mas os sentimentos seguem escolhas de amor (as escolhas que fazemos para tratar os outros com bondade). Pensa sobre isto: se o amor fosse um sentimento, então nós seríamos escravos dele, pois muitas vezes temos muito pouco controle sobre a forma como nos sentimos. Os sentimentos são escravos do amor, não os mestres.

A Liberdade De Amar Vem Com Responsabilidade

Por muito estranho que seja, o poder do ódio está enraizado na natureza do livre arbítrio do amor. Por exemplo; Deus deu a Stephen Paddock (o atirador em Las Vegas) a capacidade de amar, mas o Stephen usou a sua liberdade para causar dano a milhares. Então, porque é que Deus não preveniu esta coisa horrível de acontecer? Porque isso teria violado a liberdade e, com isso, a nossa opção de escolher amar. Se Deus tivesse parado o atirador, Ele teria arrancado o próprio tecido do que nos faz humanos e não robôs. Nós temos de nos lembrar de que a nossa liberdade para amar vem com grande responsabilidade. Nós temos uma escolha, todos os dias, de usar a nossa liberdade para fazer o bem.

A Justiça Vem de Deus

Alguns pensam que Paddock acabou com a sua vida para evitar a dor da justiça. Mas, a justiça é uma verdade infinita enraizada na natureza de Deus. Tal como o autor de Hebreus diz, “Horrenda coisa é cair nas mãos do Deus vivo.” (Hebreus 10:31) Stephen Paddock, eu não queria estar na tua pele!

Não Te Esqueças

Tal como Ezequiel foi chamado para olhar para uma situação sem esperança de morte e desânimo e teve um papel em mudar o curso da história, assim também, nós como crentes temos de olhar para o nosso mundo e ver para lá do desespero. Não te esqueças, o nosso Deus é o autor da redenção e Ele é a pessoa mais poderosa que eu conheço. Portanto, num tempo em que as pessoas estão famintas por esperança e fazem uma série de perguntas, eu quero propor uma a ti: Num tempo de desespero, o que é que tu vais fazer com o teu livre arbítrio? Vais ser um catalisador para que outros possam encontrar Deus? Eu gostaria de ouvir o que tu achas nos comentários.

Topics: Eventos ActuaisMoralidadeSem categoria


¡

comments